Concurso Previsto da STN para 2018


Novo concurso da STN está previsto para ser realizado em 2018 com possíveis vagas para os cargos de técnico de finanças e controle, auditor e assistente técnico administrativo.

Recentemente, a Receita Federal do Brasil (RFB) enviou solicitação ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) para realização de concurso da Secretaria do Tesouro Nacional (STN). Se você estuda para alcançar a tão sonhada aprovação e se tornar um servidor público federal, confira aqui informações sobre esse certame.

O pedido está em análise e contempla vagas para os cargos de técnico de finanças e controle, auditor e assistente técnico administrativo.


Para exercer a função de assistente e técnico é necessário ter escolaridade de nível médio. A remuneração oferecida pelo órgão é de R$ 4.137 e R$ 6.882. Já para ser auditor, o candidato deve ter formação superior em qualquer área. Nesse caso, o salário ofertado é de R$ 17.391,64. Todos têm direito ao benefício de auxílio alimentação no valor de R$ 458.

Há expectativa de realização do concurso em 2018. Inicie já sua preparação.

O último certame realizado pela STN foi em 2013. Na oportunidade, a banca responsável pela organização da seleção foi a Escola de Administração Fazendária (ESAF). 255 vagas foram anunciadas para o cargo de analista. Também foram oferecidas vagas exclusivas para candidatos com necessidades especiais. As áreas contempladas foram: desenvolvimento institucional, Governança e Gestão em Tecnologia da Informação, contábil, Gestão em Infraestrutura de Tecnologia da Informação e econômico-financeira. Além da prova objetiva, os candidatos fizeram avaliação discursiva.



Veja quais disciplinas foram cobradas em conhecimentos gerais: português, direito constitucional, administração pública, direito administrativo, estatística, raciocínio lógico quantitativo, finanças públicas e inglês ou espanhol.

No último processo seletivo, a taxa de inscrição foi de R$ 120, mas houve concessão de isenção para candidatos inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico).

Os aprovados serão contratados pelo regime estatutário, ou seja, terão direito à estabilidade.

Segundo o Sindicato Nacional dos Analistas e Técnicos de Finanças e Controle, a Secretaria tem grande necessidade de contratar profissionais para a carreira de técnico. De acordo com o levantamento do sindicato, há carência de no mínimo 500 técnicos de finanças e controle, incluindo as previsões de solicitação de aposentadoria. Esse quantitativo se deve ainda ao fato de não haver concurso para essa função há mais de duas décadas.

Por Melisse V.

Deixe o seu comentário