O concurso do TCE-SP 2019 será realizado pela banca organizadora Vunesp e terá seu Edital publicado em breve. Serão ofertadas 69 vagas distribuídas entre diversos cargos.

Foi autorizado o concurso TCE- SP 2019. Ele já estava sendo aguardado por muitas pessoas que já vinham se preparando para o mesmo. Essa é mais uma oportunidade para quem está na luta de um emprego seguro e com ótima remuneração. Esse concurso é um dos mais esperados na região de SP. E isso quer dizer que existem muitas pessoas se preparando para conseguir uma das vagas. Para ter mais chances de ser aprovados, os candidatos devem ficar atentos a todas as informações que vão estar aqui nesse texto.

Dificuldade do concurso

Esse é um concurso com um grau considerável de dificuldade, pois o mesmo é a nível superior e exige bastante conhecimento dos concurseiros. Por isso, o ideal é se preparar o quanto antes e de forma intensa. A lógica é bem clara: Quanto mais o candidato tiver preparado, maior é a chance de ser aprovado. E vale de tudo para conseguir aumentar o desempenho nos estudos. É preciso ter foco, ter disciplina e não desistir no meio do caminho, pois a recompensa é um emprego dos sonhos com salário alto e mudança radical na vida profissional.

Quantidade de vagas

Esse concurso traz um total de 69 vagas. Essa quantidade é pequena na visão da maioria dos candidatos. Mas a grande questão é não se prender ao número, e sim se preparar para que uma das vagas seja sua. São 26 vagas para cargos comissionados e 39 vagas para a carreira de agente de fiscalização. O ideal é ter foco em uma das duas áreas e estudar bastante. Ambas têm ótima reputação e tem bom salário.

Banca escolhida para realizar esse concurso

A banca escolhida para realizar esse concurso é a Vunesp. Essa é uma banca muito confiável e famosa por realizar grandes concursos. Ela também monta provas bem complexas e algumas questões para confundir o candidato. A dica nesse caso e ler com calma todas as questões, pois os menos atenciosos podem errar questões por isso.

Cargos e suas vagas específicas

Esse concurso vai oferecer aos candidatos vagas específicas e elas seguem com as quantidades exatas. Vale lembrar que todo concurso tem seu quadro de vagas reservas. Então não existe motivo para desanimar nesse caso. Veja agora a quantidade dos cargos desse concurso, baseando-se nas vagas abertas:

– 15 Vagas para assessor técnico de gabinete II

– 1 Vaga para Assessor Técnico Procurador

– 1 Vaga para Diretor Técnico de Divisão

– 26 Vagas para Cargos Comissionados

– 9 Vagas para Assessor Técnico de Gabinete l

Salário inicial para os aprovados

O salário inicial desse concurso é alto e bem atrativo de R$13.989,28. E ainda tem os benefícios do cargo. Esse é um salário dos sonhos para muita gente. E para conseguir uma das vagas é necessário possuir o nível superior nas seguintes áreas: Administração de Empresas, Áreas de Ciências Jurídicas e Sociais, Economia ou Contabilidade. Pode acontecer de serem liberadas outras áreas. Essa informação só será confirmada através do edital.

Prazo de validade desse concurso

A validade máxima desse concurso é de 3 anos. Esse é um ótimo tempo se baseando em outros concursos. E a boa notícia é que esse prazo pode ser prorrogado. Mas não é nada oficial, vale a torcida de todos os candidatos.

Dicas para quem vai fazer a inscrição para o concurso TCE-SP 2019

A dica para quem quer passar para um concurso desse porte é estudar muito. Pois a certeza que já temos é que não será fácil. Criar um cronograma de estudo e se dedicar pelo menos 4 horas por dia já é um bom começo. Ter foco e se preparar é a melhor opção para todos os candidatos.

Essas são as informações do concurso TCE-SP 2019!

Por Cristiane Amaral

Concursos


Concurso do IBGE foi autorizado para preencher 209 vagas temporárias para 3 cargos.

O concurso para o IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – foi autorizado nesta última segunda-feira, dia 25 de março, pelo então ministro da Economia, Paulo Guedes, devendo o edital ser divulgado em, no máximo, até seis meses, ou seja, até 25 de setembro.

Como o concurso tem a intenção de preparar os trabalhos do Censo Demográfico do ano de 2020, espera-se que o edital seja divulgado o quanto antes.

De acordo com o próprio Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o edital para esse tão esperado concurso, deverá sair em no máximo até 15 dias, havendo contratação para as funções oferecidas ainda no mês de julho do corrente ano.

No ano de 2018, o IBGE anunciou a previsão de 240 mil vagas temporárias para 2020, ainda não sendo divulgadas como serão essas novas contratações.

Entretanto, esse concurso contará com 209 vagas temporárias sendo distribuídas entre 3 funções e o contrato terá validade de um ano e poderá ser prorrogado por mais tempo.

· Função: Agente Censitário Municipal

Número de vagas: 4

Exigência: possuir ensino médio completo

Carga horária: 40 horas semanas, sendo 8 horas por dia

· Função: Agente Censitário Supervisor

Número de vagas: 25

Exigência: possuir ensino médio completo

Carga horária: 40 horas semanas, sendo 8 horas por dia

· Função: Recenseador

Número de vagas: 180

Exigência: possuir ensino fundamental completo

Carga horária: 40 horas semanas, sendo 8 horas por dia

A remuneração referente aos cargos ainda não foi divulgada, mas, levando em consideração a remuneração do ano de 2017, já dá para se ter uma ideia de como serão os valores atuais. Referente ao Censo Agropecuário, as remunerações foram em média de:

· Agente Censitário Municipal: R$ 2.358.00

· Agente Censitário Supervisor: R$ 2, 058.00

· Recenseador: R$ 2, 600.00, podendo chegar ao valor de R$ 3,000.00

Tendo em vista os possíveis reajustes que serão feitos, é bem provável que a remuneração desse concurso seja ainda maior que os valores que foram pagos no ano de 2017.

As provas do último concurso do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE para temporários

As últimas provas do concurso do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE para temporários ocorreram no ano de 2017 e aconteceram para a ocupação de cargos no Censo Agropecuário.

As provas do referido concurso contaram com 50 questões objetivas, todas com caráter eliminatório e classificatório, para os candidatos ao cargo de agente censitário e com 40 questões objetivas, todas com caráter eliminatório e classificatório, para os candidatos ao cargo de recenseador.

Prova para agente censitário – nível médio

· 10 questões de língua portuguesa

· 10 questões de raciocínio logico e quantitativo

· 10 questões de conhecimentos técnicos

· 20 questões de noções de administração e situações gerenciais

Prova para recenseador – nível fundamental

· 15 questões de língua portuguesa

· 15 questões de matemática

· 10 questões de conhecimentos técnicos

Os candidatos que foram aprovados acertaram 30% da prova, que seriam no caso, 15 questões certas para a função de agente censitário e 12 questões certas para a função de recenseador.

Esse concurso de 2017, contou com a validade de 2 anos, sem a previsão de haver prorrogação.

Ainda no mesmo ano DE 2017, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE para temporários ofereceu ainda um outro processo seletivo, com análise de títulos, que ofertou vagas para os cargos de recenseadores e também, oportunidades para mais agentes censitários.

O processo seletivo foi realizado em uma etapa única, tendo o valor máximo de 10 pontos. A exigência o caso, era da entrega da documentação solicitada no ato da inscrição.

Por Carol Wurlitzer

Concurso





CONTINUE NAVEGANDO: